Notícias

Facebook confirma que funcionários transcreviam áudios do Messenger

Uma característica que preocupa os usuários em suas redes sociais certamente é a privacidade, incluindo no Facebook. Contudo, parece que a privacidade dos usuários dessa rede social está bastante comprometida.

O caso é que funcionários terceirizados do Facebook Inc. estavam sendo pagos para ouvir e transcrever áudios de usuários do Messenger.

Essa informação foi publicada pela Bloomberg, e a fonte são os próprios funcionários que transcreviam os áudios.

Segundo os funcionários, que foram mantidos em anonimato, eles recebiam os áudios sem saber sua origem e o motivo da empresa querer transcrevê-los. Eles relataram também que o conteúdo de algumas conversas era vulgar.

Facebook confirma transcrição de áudios.
O Facebook acaba de confirmar que estava pagando uma equipe terceirizada para ouvir e transcrever áudios dos usuários do Messenger. (Foto: Divulgação)

Assim que o caso veio à tona, o Facebook confirmou as informações, ao afirmar que havia interrompido esse tipo de procedimento de análise de áudios por humanos “há uma semana”.

De acordo com a companhia, esse processo estava sendo realizado para que pudessem verificar se a Inteligência Artificial estava realmente trabalhando corretamente na função “voz para texto”, disponível desde 2015.

Ainda de acordo com o Facebook, e em concordância com o que foi dito por seus funcionários, os áudios transcritos chegavam aos funcionários de forma anônima. Dessa forma, não era possível associá-los a nenhuma pessoa em específico.

Faceboook Messenger transcrição de áudios.
A Política de Privacidade do Facebook não menciona que os áudios dos usuários poderiam ser ouvidos por pessoas, mas dão a entender que todo processo seria feito pela IA. (Foto: Divulgação/Android Authority)

A política de dados da empresa de Mark Zuckerberg foi revisada no ano passado, para que ficasse mais compreensível ao público. Em todo caso, ela não inclui nenhuma menção de que os áudios dos usuários poderiam ser ouvidos por pessoas, dando a entender que todo processo seria feito pela IA.

Contudo, um trecho vago cita que o Facebook coletará “conteúdo, comunicações e outras informações que você fornecer” quando “enviarem mensagens ou se comunicarem com outras pessoas”.

Além disso, o Facebook não menciona em nenhum momento sobre uma equipe de transcrição, porém se refere a “fornecedores e prestadores de serviços que apoiam nossos negócios ao analisar como nossos produtos são usados”.

Não é a primeira vez que uma companhia contrata funcionários terceirizados para ouvir conversas de seus usuários. Anteriormente a Amazon, Apple, a Microsoft e mesmo o Google adotaram este método.

Fonte: Bloomberg

Sobre o autor

Matheus Henrique é o Fundador e o Content Manager do Mobile Bit. Ele é um profissional da área de gerenciamento e criação de web sites na internet.
    Posts Relacionados
    Notícias

    Motorola One Power é atualizado para o Android 10 na Índia

    Notícias

    Nokia 7.1 começa a receber a atualização do Android 10 pela HMD Global

    Notícias

    WhatsApp vai parar de funcionar em vários dispositivos em 2020

    Notícias

    Redmi Note 8 Pro recebe versão estável da MIUI 11 no Brasil