AMD lança nova linha de processadores Ryzen AI Série 300 para notebooks na Computex 2024

ryzen ai 300 lancamento

Nesta segunda-feira (3), durante a Computex 2024, a AMD anunciou sua nova geração de processadores para notebooks, a linha Ryzen AI Série 300. Esses novos chips são voltados para recursos de inteligência artificial (IA), trazendo melhorias significativas para o desempenho em IA generativa e PCs otimizados para serviços dessa categoria.

A linha Ryzen AI Série 300 é composta por dois modelos principais: o Ryzen AI 9 HX 370 e o Ryzen AI 9 365. Esses processadores são concorrentes diretos de outros chips no mercado, como o Snapdragon X da Qualcomm, a linha Meteor Lake Ultra da Intel e o Apple M4.

Ryzen AI 9 HX 370

ryzen ai 300

O Ryzen AI 9 HX 370 é o modelo topo de linha desta geração. Ele possui 12 núcleos de CPU, 24 threads, um clock base de 2 GHz e pode atingir até 5,1 GHz no clock máximo. Este chip é equipado com a GPU integrada AMD Radeon 890M. A nomenclatura “HX” indica que este é o modelo mais poderoso da linha.

Ryzen AI 9 365

O Ryzen AI 9 365 é uma opção mais acessível, mas ainda potente. Ele vem com 10 núcleos de CPU, 20 threads, o mesmo clock base de 2 GHz e pode chegar a até 5 GHz no clock máximo. Este modelo utiliza a GPU integrada AMD Radeon 880M.

Os novos chips Ryzen AI Série 300 utilizam as arquiteturas mais recentes da AMD, incluindo o processador neural (NPU) padrão XDNA2, a GPU RDNA 3.5 e a CPU com os novos núcleos Zen 5. Segundo a AMD, esses processadores foram projetados para oferecer “processamento de IA privado, dinâmico e eficiente em termos de energia”, tornando-os ideais para multitarefas, jogos, streaming, produção de conteúdo profissional e prolongada duração de bateria.

Os processadores Ryzen AI 300 são “prontos para PCs Copilot+”, o que significa que estarão disponíveis em notebooks de fabricantes parceiras da Microsoft, como Asus e HP. O lançamento oficial está previsto para julho de 2024,

Compartilhe
Me Siga:
Matheus Miranda é jornalista especializado em tecnologia e fundador do Mobile Bit. Desde 2013, ele dedica-se a reportar as últimas novidades do universo de smartphones e dispositivos eletrônicos, oferecendo ao público análises aprofundadas e cobertura atualizada dos principais desenvolvimentos do setor.