Tecnologia

Nintendo Switch: Novo console da Nintendo é híbrido de console de mesa e portátil

Na última sexta-feira (21) a Nintendo anunciou oficialmente o seu novo console, o Nintendo Switch, e a novidade é um híbrido de console de mesa com portátil. O aparelho que chegará em março do próximo ano foi produzido com processador da Nvidia, o Tegra, que está inserido dentro do console e promete gráficos de excelência em diversos games, isso com arquitetura Geforce. A própria Nvidia divulgou essa informação, e ao longo dos próximos meses saberemos mais sobre essa parceria entre as duas companhias. O recém chegado veio com muitas novidades, e você pode conferí-las neste artigo!

Nintendo Switch – Joy-Con

Começando pelo controle do novo console, este se chama Joy-Con que é uma mistura entre “Joystick” e “Controller”, pois a proposta da Nintendo é que ele seja utilizado das duas formas, isso porque ele pode ser destacado de sua base principal, que possui um “grip” com baterias próprias, podendo ser utilizado então tanto da maneira tradicional ou então utilizando como dois modelos menores, o que lembra o Wii Remote.

Cada um dos lados destacáveis possui um analógico e conta com os botões tradicionais e um botão de “ombro” em cada um deles. É possível jogar em modo multiplayer com dois jogadores utilizando o Joy-Con que acompanha o console, porém para modos com mais jogadores é possível que seja necessário mais aparelhos presentes e que estejam interligados por comunicação sem fio, conforme pode-se ver no teaser oficial, onde quatro players utilizam duas telas do Switch para jogar. Ainda não se sabe qual a capacidade de duração da bateria dos controles após serem destacados.

Há quatro maneiras de se controlar, começando pelo Joy-Con conectado ao grip, o Joy-Con desconectado utilizado como um Wii Remote, com o Joy-Con  conectado diretamente na tela como se fosse um tablet (porém não se sabe se a tela é sensível ao toque) e por último o Pro Controller. Apesar do console trazer o Joy-Con que é tão flexível, é possível que a novidade não agrade todos os usuários e é aí que entra o Pro Controller, que nada mais é que um joystick tradicional, lembrando bastante o modelo lançado com o Nintendo Wii.

Quem não se adaptar ao Joy-Con poderá optar pelo Pro Controller, que traz um modelo de joystick mais tradicional. (Foto: Divulgação/Nintendo)

Quem não se adaptar ao Joy-Con poderá optar pelo Pro Controller, que traz um modelo de joystick mais tradicional. (Foto: Divulgação/Nintendo)

Nintendo Switch – Dock de armazenamento e recarga

O novo console da companhia funciona em “modo tablet”, como mencionado, e pode ser ligado na televisão e utilizado como um console tradicional, no entanto ele traz uma tela destacável. Essa tela nada mais é do que o próprio console, que fica dentro do dock, que tem por funções o armazenamento da tela (parte principal do aparelho) e a recarga das baterias internas.

O Dock armazena a tela e recarrega as baterias internas. (Foto: Divulgação/Nintendo)

O Dock armazena a tela e recarrega as baterias internas. (Foto: Divulgação/Nintendo)

A tela do Switch também pode ser utilizada como uma “micro-TV” portátil e possui stand para se manter em pé, ou ainda é possível acoplar os controles destacáveis do Joy-Con em suas laterais e utilizá-la de maneira similar ao GamePad, funcionando como um tablet exclusivo para jogos.

Nintendo Switch – Games e o retorno dos cartuchos

O tão incômodo problema de discos arranhados não estará presente no novo console da gigante, pois ele irá utilizar cartuchos que serão inseridos no console para iniciar o game. O que para alguns é um retrocesso, é na verdade sinônimo de praticidade, visto que seu armazenamento é mais prático e os riscos de sofrerem danos são menores, além disso vale lembrar que portáteis potentes como o PlayStation Vita e o New Nintendo 3DS também utilizam cartuchos.

Agora, quanto aos games que o console irá receber da Nintendo, podemos citar alguns nomes, entre eles The Legend of Zelda: Breath of the Wild, Mario Kart, Super Mario e Splatoon. Até o momento não se sabe se Splatoon e Mario Kart terão alguma novidade ao chegar para o Nintendo Switch, porém Super Mario apresentou uma fase temática de Velho-Oeste que ainda não era conhecida, mas os lançamentos de games para o novo console ainda não possuem data definida.

A Nintendo liberou uma lista com as empresas parceiras que irão produzir games para o Nintendo Switch. (Foto: Divulgação/Nintendo)

A Nintendo liberou uma lista com as empresas parceiras que irão produzir games para o Nintendo Switch. (Foto: Divulgação/Nintendo)

Vale lembrar que o Switch não está sozinho em seu lançamento, pois a Nintendo conta com apoio de diversas empresas que irão desenvolver jogos para a novidade, recebendo ainda mais atenção do que o Wii e o Wii U em seus lançamentos. Nomes como Activision, Capcom, Konami, Square Enix, Platinum Games, From Software, Atlus, Arc System Works, Ubisoft, Sega, Warner Bros, Bandai Namco e diversas outras grandes marcas estão apoiando a novidade, então já se pode esperar ótimos títulos rodando no console.

Podemos também ressaltar que a companhia parece estar interessada que a sua novidade participe dos eSports, categoria para jogadores profissionais que ganham a vida em torneios, e no teaser oficial pode-se ver alguns jogadores treinando Splatoon e em seguida disputando uma partida contra uma outra equipe, com direito a torcida. A novidade é um grande passo da companhia, visto que ela teve problemas em torneios como o EVO com o Super Smash Bros, porém não há nenhuma confirmação disto.

A Nintendo produziu o Switch pensando em participar do eSports. (Foto: Divulgação/Nintendo)

A Nintendo produziu o Switch pensando em participar do eSports. (Foto: Divulgação/Nintendo)

Além de tudo, o caçula da Nintendo não possuirá trava de região, ou seja, um console comprado na Europa poderá tranquilamente rodar jogos que foram lançados nos EUA sem problema algum, parece que a Nintendo resolveu ouvir as preces de seu público.

Nintendo Switch – Preço e disponibilidade

O Nintendo Switch teve confirmação de que chegará ao mercado em março de 2017 no Japão, Estados Unidos e Europa, mas como esperado, não tem previsão para desembarcar em território brasileiro. Levando em conta que há alguns meses a Nintendo deixou de operar no Brasil não se sabe se ele realmente chegará até aqui, visto que não há representação oficial da empresa no país. Quanto ao valor da novidade, este ainda não foi divulgado, e é provável que títulos mais simples como Super Mario acompanhem o console em seu lançamento.

E aí, o que achou da novidade da Nintendo? Gostaria de vê-la no Brasil? Comente!

Sobre o autor

Matheus Henrique é o Fundador e o Content Manager do Mobile Bit. Profissional na área de gerenciamento e criação de web sites na internet, também trabalha na publicação de notícias do site.
    Posts Relacionados
    Tecnologia

    TIM: Operadora está em nova parceria com plataforma Descomplica

    Tecnologia

    Windows 10 Insider - Recurso HyperV chega para mais processadores

    Tecnologia

    Procurando uma Smart TV 4K? Conheça os benefícios das TVs Samsung

    NotíciasTecnologia

    O que é VoLTE? Saiba para que serve isso no seu smartphone

    1
    Comentários

    avatar
    1 Comment threads
    0 Thread replies
    0 Seguidores
     
    Most reacted comment
    Hottest comment thread
    1 Comment authors
    Suller Recent comment authors
      Inscrever  
    novos antigos Mais votados
    Notify of
    Suller
    Visitante
    Suller

    Gostaria muito de ver a Nintendo aqui no Brasil novamente. : (